Como Desenhar Dragon Ball Z – Descubra Aqui Como É Fácil E Rápido!!

Neste artigo nós vamos ver como desenhar Dragon Ball Z e alguns de seus personagens.

Mas antes disso, conheça um pouco da história de como surgiu esta animação.

De acordo com a Wikipédia Dragon Ball (ドラゴンボール, Doragon Bōru?) é uma franquia de mídia japonesa criada por Akira Toriyama.

Originalmente iniciada com uma série de mangá que foi escrita e ilustrada por Toriyama, teve os seus capítulos serializados na revista Weekly Shonen Jump de 1984 a 1995, com os seus 519 capítulos compilados em 42 volumes tankōbon e publicados pela editora Shueisha.

Dragon Ball foi inicialmente inspirado pelo clássico romance chinês Jornada ao Oeste.

A série segue as aventuras do protagonista, Son Goku, desde sua infância até a idade adulta enquanto ele treina artes marciais e explora o mundo em busca de sete esferas conhecidas como as Esferas do Dragão, que convocam um dragão que concede um desejo quando reunidas.

Ao longo de sua jornada, Goku faz vários amigos e luta contra uma grande variedade de vilões, muitos dos quais também procuram as Esferas do Dragão.

O mangá Dragon Ball foi adaptado em duas séries de anime pela Toei Animation: Dragon Ball e Dragon Ball Z, que juntas foram transmitidas no Japão de 1986 a 1996.

Além disso, o estúdio desenvolveu 19 longas-metragens animadas e três especiais de televisão, assim como duas séries de anime intituladas Dragon Ball GT (1996-1997) e Dragon Ball Super (2015-presente).

De 2009 a 2015, uma versão remake e acelerada de Dragon Ball Z foi exibida no Japão sob o título Dragon Ball Kai, na qual a maior parte das cenas da versão original que não aparecem no mangá foram removidas.

Várias empresas desenvolveram vários tipos de mídias baseadas na série o que a tornou em uma grande e popular franquia de mídia que inclui filmes animados e em live-action, jogos de cartas colecionáveis, inúmeras figuras de ação, além de várias coleções de trilhas sonoras e um grande número de jogos eletrônicos.

A partir de novembro de 2014, a franquia gerou $5 bilhões em mercadorias, tornando Dragon Ball uma das franquias de mídia baseadas em anime mais comercializadas de todos os tempos.

Desde o seu lançamento, Dragon Ball tornou-se uma das séries de mangá e anime mais bem sucedidas.

Os 42 volumes do mangá já venderam mais de 240 milhões de cópias em todo o mundo, tornando-se a terceira série de mangá mais vendida da história.

Os críticos elogiaram a arte, os personagens e o humor da história. É amplamente considerado como uma das maiores séries de mangás já feitas, com muitos mangakás citando Dragon Ball como uma fonte de inspiração para suas obras.

O anime, especialmente Dragon Ball Z, também é altamente popular em vários países e foi indiscutivelmente um dos mais influentes em impulsionar a popularidade da animação japonesa na cultura ocidental.

Como desenhar Dragon Ball Z

APRENDA A DESENHAR QUALQUER SAYAJIN! – Tutorial de desenho! Dragon Ball Super

Transcrição do vídeo

Bem-vindos a mais um vídeo aqui no canal do palavra nerd.

Eu sou o Guilherme e vou tentar ensinar para você como desenhar qualquer personagem Sayajin de Dragon Ball Z, com o esboço de uma estrutura única para todos os personagens.

Se você parar para reparar, basicamente é o cabelo que diferencia os personagens de Dragon Ball e vamos começar aqui então com essa estrutura de rosto.

O foco do vídeo será o rosto desse Saiyajins.

Então, vamos aqui fazer uma bola.  A bola é aquele elemento que sempre vai perseguir você em qualquer esboço que você for fazer. Tudo começa e retorna no círculo.

Outra coisa que a gente pode fazer é marcar uma linha do meio nesse círculo para que a gente tenha a divisão de esquerda e direita desse rosto, que vai ser bem importante mais para frente.

Outra coisa fundamental galera, é que já que a gente tem os lados do rosto, a gente pode começar fazendo aqui a lateral dessa face.

Uma coisa importante aqui em desenhos em estilo de anime, o rosto tende a ficar bem mais fino aqui em baixo do que seria num quadrinho tradicional ou alguma coisa do gênero.

O que a gente vai fazer também é afunilar isso no queixo aqui em baixo.

Você tá vendo que eu tô fazendo um lado e depois o outro e depois um lado e depois o outro.

Essa é a maneira mais fácil de você conseguir fazer algo ficar simétrico, ao invés de você se perder e acabar fazendo metade. Depois para fazer a outra metade do zero vai ser bem complicado.

Então eu acho que isso aqui já é uma boa ideia.

Você pode estar pensando: Guilherme este negócio está muito cabeçudo.

Não se preocupe… Em Dragon Ball os personagens são muito cabeçudos por baixo de todo aquele cabelo, por mais que não pareça.

Uma coisa que a gente vai ter é uma linha do início do cabelo vai ser bem alta, bem aqui em cima.

Exceto no caso do Vegeta que vai ter o cabelo começando no meio da cara. Realmente a testa dele vem até aqui, o que é super esquisito mesmo.

De qualquer forma, o que a gente pode imaginar aqui agora é que por volta dessa altura nós poderemos ter a linha dos olhos, onde os olhos vão acontecer.

Na metade dessa distância entre a linha dos olhos e aqui o queixo, a gente pode imaginar o posicionamento do nariz e na metade dessa outra distância a gente pode imaginar que terá a altura da boca ou até mesmo um pouco mais para cima, dependendo da expressão do seu personagem.

Então vamos nessa galera… a gente tem aqui os guias um pouco bem estabelecidos.

Desenhando as orelhas do Dragon Ball Z

O que Dragon Ball sempre tem é uma orelha grandona. Eu não sei porque as orelhas que o Toryama faz são tão grandes.

Mas elas tendem a ser enormes, mas eu acho que faz parte do estilo e fica bem legal quando você para pra pensar.

Outra coisa legal antiga dela é a dica que eu vou dar para você fazer o formato interno das suas orelhas. Vou até dar um zoom aqui, é você fazer um “C” e outro “C”.

Aqui você vai por um negocinho e aqui você vai por outro negocinho. Você fez a orelha de Akira Toriyama. Isso aqui é completamente inventado, por que a orelha real é um pouco diferente disso.

Eu até mesmo já fiz um vídeo sobre orelhas, se você já não viu fica aqui anotação para você e procurar esse vídeo aqui também. Eu acho que consigo botar o link para isso.

Então um tracinho e outro tracinho. Assim vamos reproduzir isso daqui de novo para cá, então aqui um “C” e outro “C”. Um “C” bem quadrado ou alguma coisa assim e aquele tracinho e aqui outro tracinho.

Melhor fazer o contrário né? É assim… pronto. 

Com isso a gente já tem uma forma bem legal pra gente começar a criar os nossos personagens.

As orelhas já estão no lugar e aí é que ela fique mais ou menos aqui na linha do nariz. Então onde o nariz acaba ou melhor, quando o nariz tem a sua base, a gente vai ter também a base das orelhas.

Como desenhar nariz e boca

O nariz de Dragon Ball funciona de algumas formas, mas o que a gente vai fazer aqui hoje é esse formato aqui.

Vai ser uma linha reta, uma linha para o lado e a gente vai preencher isso como uma sombra, como se fosse a sombra desse nariz.

Então é basicamente um diamante, né? Como se fosse um diamantezinho, porém a gente vai cortar esse pedaço para fora.

Então essa é uma das maneiras que você pode desenhar esses narizes Dragon Ball, dependendo da época do ano e que empresa que tá fazendo anime. 

O nariz de frente pode ficar um pouquinho diferente. Eu lembro de uma época que era alguma coisa mais ou menos assim.

Então isso varia um pouco, mas o que importa é que na essência é isso aqui que você vai ver nos narizes de Dragon Ball.

O nariz importante, porque é no nariz que muitas outras coisas vão grudar, especialmente os olhos e a boca,

A boca, se o seu personagem está bravo, ela tende a ficar bem juntinho no nariz como se fosse algo assim mesmo e aqui novamente, um lado é mais curvado e o outro é mais reto.

A gente vai ter aqueles tracinhos bonitinhos que o anime costuma ter, certo?

Então aqui as coisas estão começando a tomar um pouquinho mais de forma.

Se você quer saber como desenhar Dragon Ball Z, continue lendo este artigo.

Sobrancelhas e olhos do Dragon Ball Z

Agora as sobrancelhas e os olhos de Dragon Ball com certeza são um daqueles fatores diferenciais que deixam a gente perplexo de falar isso daí é Dragon Ball.

Então o que pode acontecer com as sobrancelhas se o personagem não estiver muito enfurecido, as sobrancelhas não vão fazer aquela ruga no meio da testa.

Então provavelmente o que você vai ter é só uma linha saindo daqui desse centro e indo ali para cima.

dessa linha a gente vai ter o início da nossa sobrancelha e ela tende a ser mais grossa no fim e mais fina na frente, então isso é importante a gente tentar reproduzir.

Eu lembro que pelo menos no original também tinha aqueles tracinhos que saíam da sobrancelha aqui, como se fosse uma tentativa de fazer pelos ou algo do gênero.

Não parece muito com pelos, parece que é mais um cigarro na testa, mas fica lindo no estilo de Dragon Ball.

Outra coisa legal que a gente pode adicionar aqui são os olhos, afinal de contas essa linha que a gente usou aqui a gente pode usar ela como referência para a gente fazer a base dos olhos.

Então algo por volta dessa distância já está bom para a gente fazer a base dos nossos olhos nesse nosso personagem.

Então novamente tentando sempre fazer aquela ideia, faz um lado da esquerda, faz um lado da direita que a gente tenta não ficar perdido.

Uma coisa que você pode tentar fazer aqui é ver se essa distância tá igual. 

O interessante do desenho galera, é que uma coisa que você vai aperfeiçoando com cada desenho que você faz é a sua percepção espacial e a sua ideia dessas distâncias.

O que está mais próximo, que está mais alto ou mais baixo e isso tudo você vai gerando com o tempo.

No começo pode ser muito difícil, mas com mais tempo quanto mais desenho você faz, melhor você vai ficar com isso.

Eu acho que pra isso aqui funcionar melhor, a gente tem que fechar um pouquinho mais esses olhos para que não fique tão tão aberto assim e logo aqui no meio, a gente já consegue colocar aqui uma bolinha.

Você vai falar: Guilherme esse personagem aqui vai ficar vesgo…

 

Como-desenhar-dragon-ball-z-10

É a gente, uma coisa que é muito importante para que o personagem tenha foco é que os olhos deles estejam próximos, talvez nem tanto.

O que importa é que o olho vai ter que estar mais pro meio,  quer dizer, mais próximo aqui do meio do rosto do que necessariamente no meio do olho mesmo.

É algo mais ou menos assim que a gente vai ter em qualquer personagem Sayajin.

Esse aqui é o personagem Sayajin que tá numa pose mais ou menos assim tranquila, né?

Ele tá bravo, mas não tá não tá tão, tão.

Quando a gente tiver bem bravo mesmo tipo Vegeta que não está bravo bravo, a gente vai ter aquele pequeno acúmulo de dobrinhas no meio da cara.

É um negocinho com um negocinho no meio, como se fosse um “W” bem reto e quadrado que existe aqui.

Outra coisa que vai acontecer, a gente vai ganhar umas linhas aqui em baixo dos olhos como se fossem, sei lá, algumas marcações, algumas rugas.

Então é alguma coisa mais ou menos assim. Os tracinhos assim que já dão essa impressão… beleza?

Outra coisa que a gente vai precisar adicionar mais linhas na testa.

Pode ser uma linha aqui em cima e outras duas assim do lado, vindo por aqui.

Então essa aqui já dá aquela fechada na cara do nosso Sayajin.

Muitas vezes a sobrancelha pode conectar com isso, meio que fazer um formato único com essas coisas todas e a gente vai ficar com aquele visual bem Vegeta que a gente tá acostumado a ver por aí nos desenhos de Dragon Ball Z ou Super ou GT.

Fiquei bem animado quando o pessoal falou que vai ter a dublagem brasileira.

Por mais que eu goste de assistir anime com o som original, eu fico feliz quando tem algo assim que fala tanto né, com a nossa infância, como é Dragon Ball em português cara, fala sério!

Então aqui a gente vai ter a linha do cabelo do personagem e isso aqui é o que vai variar bastante, mas no geral todos eles tem uma linha sim, aqui do lado, como se fosse uma pequena costeleta ou algo do gênero. Então isso daqui é algo que vai acontecer.

Eu vou passar pra vocês agora pessoal, uma técnica para você reproduzir o rosto nas mesmas proporções, só que do outro lado.

Com certeza isso é mais fácil de fazer no digital do que no tradicional, por que a gente consegue criar camadas diferentes para coisas diferentes.

Então o que que eu vou fazer, vou colocar esse personagem aqui do lado.

Eu já expliquei isso também numa Live se eu não me engano e é assim que nós fazemos aquelas páginas de referência.

 Vou diminuir bastante a opacidade desse desenho, vou marcar o fim do queixo, o início da dobra do maxilar, a base do nariz, o meio do nariz, o topo do nariz, a base do negócio aqui da testa, a base dos olhos, o topo das sobrancelhas, aqui a orelha e o nariz podemos supor que estão mais ou menos na mesma altura, o início do cabelo e o início da cabeça.

Então tudo isso aqui eu transformei nessas linhas que eu vou esticar bastante para que elas fiquem de fora a fora.

Então é só uma maneira de você ter certeza de que seu desenho vai estar proporcional em ângulos diferentes.

E agora eu quero fazer esse mesmo perfil aqui desse Sayajin, só que de lado.

Como definir a idade de seu Dragon Ball Z

Uma coisa que pode variar galera e isso vai determinar basicamente a idade do seu personagem, é o pescoço.

Se o pescoço do seu personagem for mais fino você vai ter normalmente um personagem mais jovem, como Gohan quando era criança, né?

Eu já não sei mais a idade dos personagens na série atual. Eu não sei mais com quantos quantos anos todo mundo tá lá.

E normalmente o que a gente vai ter Dragon Ball são duas linhas que vem por aqui e um gogozinho.

Então mais umas linhas pra cá e aqui em baixo a gente já vai ter aqueles peitorais definidos de Dragon Ball e aqui também já vai começar a nossa roupinha, seja ela do formato que for.

Mas se você fizer esse pescoço bem mais grosso, mais volumoso, saindo assim de uma parte mais próximo aqui do pescoço, você já vai ter um personagem mais velho e que parece ser aqui um personagem mais poderoso mais forte, talvez um Goku ou até mesmo Vegeta.

Então novamente aquelas duas linhas, um gogozinho e você já consegue fixar aqui o peitoral forte.

Então essa é a dica dos pescoços dos Sayajins e você já consegue aqui começar a pensar nesses personagens.

Se você fizer o cabelo do Goku vira o Goku, se você fizer o cabelo de outro personagem, vira outro personagem .

Então pescoço mais fino vira mais ou menos criança, um guerreiro mais jovem e aqui parece um guerreiro mais velho, mais forte… isso que é importante.

Então isso é uma coisa que a gente viu realmente no passar de Dragon Ball. Quanto mais Dragon Ball passava, mais grosso o pescoço ficava.

Como desenhar Dragon Ball Z de perfil

Vamos fazer esse personagem aqui olhando para o lado. Vou fazer olhando para esse lado aqui.

Então a gente vai precisar reproduzir aquela bola que a gente fez lá no começo. Eu não lembro muito bem onde ela terminava… eu acho que era algo por aqui assim.

Eu não tô fazendo uma bola perfeita com uma única passada. Eu tô indo e voltando, apagando também aqui, puxando aqui os cabelos.

O ideal não é muito ficar enrolando assim, mas isso é uma maneira que você pode começar a fazer as coisas.

Também se você quer fazer uma bola perfeita em um único movimento, vai ter que treinar muito só para fazer isso.

A ideia é aqui que a gente não precisa demorar tudo isso para fazer.

A gente vai adicionar de novo aquela linha no meio, só que agora em vez de dividir o lado esquerdo e direito da do rosto, a gente vai dividir para frente e para trás do rosto, não é mesmo?

Então aqui vai ser onde tem a nuca dele e aqui onde tem o nariz.

E a gente pode começar fazendo aqui uma linha, que esta linha é do maxilar aqui.

Essa linha do rosto, no rosto do Dragon Ball, ele não vem necessariamente reto assim, ele vem mais numa curva.

Normalmente vem numa curva assim e daqui a gente pode começar a puxar as outras coisas que tem a ver com os Dragon Ball.

Primeiro eu acho que a gente pode fazer isso um pouquinho a partir desse maxilar aqui, então vou fazer o maxilar e aqui acho que agora fica mais fácil da gente puxar esse rosto para cá mais ou menos assim.

Acho que eu preciso de um pouquinho mais de volume aqui na frente, então vamos lá…

O que importa é ficar o mais parecido que a gente conseguir.

Então, aqui por volta do meio a gente vai ter a nossa primeira indentação, né? Vai ter o primeiro esquema aqui.

Logo depois disso a gente já consegue imaginar que o nariz vai vir por aqui e vai ter a base dele bem como a gente indicou aqui também.

Então que importa é que por enquanto tá meio esquisitinho, mas daqui há pouco vai começar a fazer mais sentido isso que eu tô desenhando aqui para vocês.

O que importa é que por enquanto a gente está tentando só fazer as coisas encaixarem do mesmo jeito que tá ali na nossa referência original, que é aquele desenho ali.

A boquinha de Dragon Ball vai funcionar de uma forma mais ou menos parecida. A gente vai ter aqui beicinho inicial e um beicinho em baixo.

O que importa é que esses dois beicinhos vão ter aquela linhasinha aqui no meio que vai ser a nossa divisão dessa boquinha xarope que muitos personagens de Dragon Ball Z têm.

E para isso finalizar vai ter aqui o queixo que vai vir mais ou menos assim.

Eu acho que a gente pode fazer algo mais ou menos desse jeito aqui para isso tudo começar a dar certo.

Lembram do pescoço? Vou restaurar aqui aquele pescoção… esse pescoço normalmente vai funcionar assim  em Dragon Ball: ele vai vir numa linha reta aqui por baixo e a gente vai ter aquele músculo que vem de trás da orelha que se conecta lá aqui onde o peito começa.

Isso é uma coisa que Dragon Ball faz de uma forma bem fiel até, é onde esses músculos se conectam.

Mas acaba mais ou  menos por aí, porque na anatomia de Dragon Ball o resto dela é bem inventada.

E aqui a gente pode ter o fim daquele pescoço forte, que a gente vai ter por aqui.

Então aqui normalmente a gente teria outros músculos como o trapézio descendente. Então algo mais ou menos por aqui.

O problema de Drabon ball é que a cabeça dos personagens não pode ser exatamente redonda aqui atrás, principalmente se for o Trunks ou um personagem com um cabelo mais reto, aqui atrás você vai ver algo menos curvado.

Então vamos tentar aqui estabelecer de novo o formato dessa cabeça, provavelmente você está achando que cabeça gigante… quando a gente colocar cabelo nesse personagem você vai ver que tudo isso vai fazer sentido.

Vamos tentar buscar os olhos… então aqui no personagem, eu acho que eu vou começar dessa vez pela sobrancelha.

Eu sei que a sobrancelha tem que acabar mais ou menos aqui nessa linha. Então eu posso buscar por aqui esta sobrancelha e fazer que a linhasinha aqui no meio.

Com isto no lugar dá pra gente fazer também aquela linha da sobrancelha que fica aqui, que é esses puxadinhos da sobrancelha.

Acho que a gente tá indo bem por aqui. tá meio complicado, mas tá chegando lá.

Aqui o narizinho, esse nariz pode ser um pouquinho menor, dependendo do personagem ou um pouquinho maior.

Mas é que a maioria deles vai ter esse rosto bem idêntico. O que vai mudar mesmo é o formato do cabelo, talvez o jeito que o olho tá desenhado, menos bravo ou mais bravo, mas de resto vai ser mais ou menos isso daí.

O que a gente vai ter que também, dependendo do queixo e do estilo do personagem, esse queixo pode ser mais ou menos proeminente.

Quanto mais novo, mais redondo esse rosto vai ser. Quanto mais velho, o Píccolo, por exemplo.

É bem delimitado isso aqui no Píccolo.

A orelha de Dragon ball de lado tem um segredo que é basicamente o mesmo jeito, não importa o lado que você esteja vendo. isso é uma das coisas assim surpreendentes de Dragon Ball é que a orelha vai ser basicamente a mesma coisa, basicamente esse mesmo formato, como se fosse um diamante também.

A gente vai ter esse mesmo losango aqui e a diferença é que a gente só vai fazer aquele S aqui no meio, ne?

Aquele que parece um S mesmo, ou dois C. Acho que dois C juntos… É mais provável que seja um S do que uma outra coisa. A gente pode fazer aqueles mesmos detalhizinhos aqui por dentro, da mesma forma.

Uma coisinha que vai mudar é que de lado o olho do personagem vai ter aqui uma face nessa frontal e outra aqui do lado. Isso é importante que fique bem feito.

Eu acho até que algo que a gente pode fazer é puxar isso um pouco mais pra dentro. Esse limite desse olho, eu acho que isso deixa com aspecto bem mais 3D o nosso personagem.

 

Como-desenhar-dragon-ball-z-11

Aqui a gente pode fazer uma linha reta. Lógico, como a gente está querendo estabelecer aquela expressão meio malvada, então não se esqueça daquelas linhas de expressões que a gente adiciona no personagem, essas rugas aqui.

E aqui a gente pode colocar o zoinho de Dragon Ball Z.

Dependendo de onde esse personagem está olhando ou de quem está fazendo, talvez mais pro meio aqui mesmo funcione até um pouco melhor, do que colocar ele no vão ali.

Acho que algo assim fica  bem melhor.

Acho que algo que eu tô pecando aqui é nesse nariz ainda, galera.

Isso aqui não tá me agradando e eu não tô sabendo entender o porquê. Então vamo tentar rever mais um pouquinho aqui.

Eu estou olhando para uma referência aqui na minha direita vou ver se eu consigo fazer isso ficar um pouco mais fiel.

Eu acho que esse nariz tende a ser um pouco mais longo que a gente pode ter uma parte aqui no meio, fazer esse nariz descer aqui em baixo, puxar aquele lado mais aqui para frente, ok.

Eu acho que assim fica mais parecido com Dragon Ball Z e aqui puxar aquele trianguinho que a gente viu ali naquela nossa primeira referência.

Acho que assim funciona um pouco melhor. É isso daí.

Então o que importa é que a gente tem essa linha. Isso que é o legal da gente tentar manter no desenho de Dragon Ball é que tenha sempre aqui essa linha desse formato do rosto.

Isso é importante, apesar que esse personagem tá olhando um pouco para baixo. Ele não está necessariamente olhando super para frente, ele tá com o rosto um pouquinho levemente inclinado para baixo, assim como ele tá aqui.

Então a gente pode imaginar que aqui a gente vai ter aquela linha da cabeça de novo e aqui aquele detalhezinho do cabelo.

Então essa é uma das maneiras que a gente pode fazer um rosto de um personagem de Dragon Ball.

Vamos fazer algumas outras correções aqui, pessoal.

Acho que o que a gente pode fazer é aumentar essa linha desse cabelo e talvez dá uma diminuída total aqui nesse olho, porque o olho tá um pouquinho mais de frente aqui para gente. Eu acho que pode funcionar um pouco melhor se a gente diminuir um pouquinho isso tudo aqui.

A linha do cabelo aqui atrás vai funcionar mais ou menos assim, ó. A gente vai ter uma linha para cá e essa linha aqui pra frente na parte da frente do cabelo.

Então dependendo do personagem a gente vai ter um pouquinho menos ou mais de cabeça. Então se a gente quisesse adicionar aqui, por exemplo, o cabelo do Goku como é que a gente ia fazer?

Vamos ver aqui o Goku normal sem estar em seu modo Super Sayajin ou coisa parecida. Eu vou só adicionar as duas camadas, aqui do pescoço e da cabeça, vamo adicionar essas duas camadas, vou diminuir opacidade delas e vamos aqui poder pensar neste cabelo de Goku.

Então o cabelo do Goku olhando aqui, tô olhado numa referência pra a gente tentar fazer bem parecido e a ideia pessoal,  é se você quer aprender a desenhar qualquer personagem de qualquer lugar olhe para ele né?

É uma forma muito boa de você começar a acertar no desenho desse personagem é olhar para ele enquanto você está desenhando. Assim fica mais fácil.  Olhe o suficiente até que você não tenha que olhar mais, beleza?

Então vamo aqui… o que o Goku tem de diferente? Uma coisa que o Goku tem de diferente é que aqui ele vai ter dois fiapinhos já.

Ele já tem cabelo aqui onde os outros personagens já fazem o pezinho, o Goku não faz pezinho, não. Só faz pezinho aqui atrás mesmo. Aqui o Goku faz.

Então aqui a gente vai ter o começo da cabeleira de Dragon Ball. Goku vai ter então coisas vindo daqui da frente e vindo daqui de trás, certo?

Então primeira coisa que a gente vai ter é um fiapo vindo daqui puxando para cá, o maior vindo daqui puxando para cá e o mais redondo vindo daqui puxando para cá.

Algo interessante aqui é que sempre tem um cabelinho perdido nesse cabelo do Goku. Então nunca é só esses gomos grandes. Sempre tem um cabelinho ali, meio que ficou de fora.

Então aqui já tá um caminho legal. Agora aqui para frente a gente vai ter mais outros gomos gigantescos para fazer o cabelo do Goku.

Importante, o Goku tem franja, então não se esqueça de fazer esses cabelinhos mais aqui para frente na cara do Goku e agora tem aqueles três gomes gigantesco que são basicamente o que a gente tem aqui atrás, só que um pouquinho diferente.

Esse primeiro é mais curvado aqui em cima, ele é mais redondão, ele termina mais reto, depois a gente vai ter mais um cabelitio nesse mesmo formato, só que isso daqui é mais quadrado, tende a ser mais quadradão e o último cabelito aqui, pra a gente finalizar a cabeleira do Goku que é esse que é esse mini gato né, que negócio doido que é isso aqui.

Então como vocês podem ver, com cabelo adicionado, a cabeça já não parece tão mais gigantesca ou estranho, né?

Eu acho que já começa a fazer um pouquinho mais de sentido e dependendo do dia do seu personagem, essa sobrancelha pode até ficar um pouco mais pouco mais reta, um pouco mais do mal mesmo, não é mesmo?

Tem outras versões do desenho também, onde os personagens costumavam ter uma linha bem redonda aqui, mas isso é mais comum no mangá, o mangá fazia mais isso.

As versões mais novas da animação fazem o nariz mais reto, mas o mangá normalmente tinha o nariz assim, especialmente se o Goku era um pouco mais novo.

Outra coisa que acontecia, era que a boca dele vinha bem mais para cima e o queixo costumava ser um pouco maior.

Então tudo isso são diferenças que a gente repara entre os estilos de animação e os estilos do personagem.

Outra coisa que às vezes aparece e às vezes não aparece é essa parte de baixo aqui, que às vezes é desenhada, às vezes ela não é desenhada.

O que importa é que a base é mais ou menos essa. Se você consegue galara, fazer essa base, fica muito mais fácil para você desenhar qualquer Sayajin que você quiser.

Acho que pra esse vídeo ficar bem logo, porque já deve estar enorme esse vídeo, eu acho que a gente pode tentar fazer é um outro ângulo desse rosto, um pouco mais desafiador. Que que vocês acham?

Então vou puxar um pouquinho mais esse arquivo para cá, vamos estender esse fundo,

Aqui hoje eu não vou ligar tanto pra deixar tudo proporcional, por que a gente vai fazer um ângulo tão diferente que não tem nem muito como ficar ligando pra isso.

Vou fazer aqui então, seguindo outra referência que eu estou aqui de zóio, tá fora da sua da tela pra não incomodar aqui, pra a gente conseguir prestar atenção no que é importante, então que que a gente vai ter?

Acho que isso é bem legal. A gente pode seguir a mesma ideia da estrutura da nossa a bola, a nossa linha do meio que divide o rosto e a gente pode começar a fazer aquelas linhas do rosto.

O problema é que o rosto aqui tá virado, então a gente não vai ter mais aquelas linhas simétricas, a gente vai ter linhas diferentes.

Uma coisa que vai acontecer, é que a gente vai ter uma orelha de um lado e não vai ter do outro, que a gente vai ter uma linha reta desse lado e onde teria uma orelha né, aqui não dá para fazer essa linha porque a gente vai ter aquela orelha gigantesca de Dragon Ball.

A gente pode seguir aquela linha pra fazer o queixo, então basicamente o que a gente fez aqui no começo, né? Lateral do rosto, maxilar.

A gente vai fazer a mesma coisa aqui, lateral do rosto seguindo a esfera, lateral do rosto e maxilar aqui em baixo. Ok…

O que a gente vai fazer de diferente é que a gente vai ter um pouquinho mais de queixo aqui e a gente vai colocar já, subir uma vez e aqui seria aquela outra linha de lateral do rosto, porém a gente já vai encontrar ali a nossa orelha de Dragon Ball, que é aquele brutamonte de orelha, né?

Aquela coisa gigantesca que se parar pra pensar não é tão grande assim, mas é que o olho é tão grande, então faz todo sentido na perspectiva.

Mais ou menos nessa linha do meio aqui a gente consegue imaginar que seria a altura dos olhos e mais ou menos para cá a gente poderia imaginar que tem o nariz saindo daqui.

E o que que o nariz vai fazer? A gente pode fazer uma linha aqui e puxar um trianguinho, olha só… Isso já é uma maneira bem legal da gente fazer um nariz de DBZ.

Outra coisa que acontece muito em anime, em qualquer estilo de anime, é que essa linha do meio vai ser uma divisão para onde a boca começa… isso mesmo.

Normalmente essa é uma linha pra saber onde é o meio da boca, não é? Ou deveria ser algo assim, mas por algum motivo muitos animes fazem a boca dessa linha para lá e olha só como fica muito mais confortável do que se ela tivesse aqui no meio.

Parece que ele tá estranho. Eu não sei porque em anime isso acontece e funciona assim. Não sei como e fica muito bom.

Então aqui aqui a gente vai ter aqueles dois gominhos, tem aquele “W” aqui acontecendo, expressões de raiva, aqui em baixo dos olhos também, a gente pode puxar aquelas expressões, aquelas linhas de expressão, e aqui a gente pode começar a fazer sobrancelha e olhos furiosos.

O importante aqui dos olhos é que, se o personagem tiver mais bravo, a gente vai ter esse olho um pouquinho mais fechado.

Então quanto mais bravo mais fechado o olho, mais a sobrancelha tá apertando ali os olhos, então uma coisa que a gente pode começar a ver essa curva para cá e aqueles pelinhos né, que a gente já definiu ali.

O legal galera, é que não tem regra. A regra só é você tentar seguir o estilo e o estilo tem alguns elementos e os elementos são esses daqui que eu estou apresentando pra vocês como essas linhas de expressão, o formato do nariz…

Então sempre tem como brincar um pouquinho com tudo isso.

Então aqui com o outro olho… ele está fazendo, ó, como eu disse, esse olho fica mais ou menos nessa linha.

Eu acho que isso tudo tá um pouquinho demais pra cima, então eu vou mover um pouquinho pra baixo.

Se isso fosse no papel eu teria que apagar e fazer de novo, mas como estamos no digital, a gente se permite esses pequenos ajustes.

Então aqui olho e zóio e vou fazer ele olhando pra gente. Isso galera, é uma coisa que acontece em Dragon Ball com uma certa frequência.

Se você for reparar, o personagem de frente vai ter o olho mais ou menos assim, não é? A gente vai ver algo tipo isso.

Eu sei que tá torto, me desculpe, mas então…

Então olho dele precisa estar mais ou menos aqui, numa distância a um pouquinho mais pra dentro, pra a gente ter aquele foco do olhar, então dá a impressão que o personagem está olhando pra gente.

O problema é que se esse personagem for olhar pra direita, que que a gente vai ter? Esse olho vai encostar aqui e esse olho vai encostar mais ou menos pra cá.

Então a distância que esse olho percorreu é menor do que esse olho percorreu. Você pode ver que esse aqui ele até encosta.

Então isso é uma coisa que eu lembrava do anime, eu achava super esquisito a hora que, se o personagem fosse olhar para lá, basicamente você tinha um olho parado e esse outro vindo até  aqui no fundo.

O tempo que leva pra esse olho chegar aqui e esse sou eu chegar lá é maior. Então a animação ficava super estranha e isso eu achava uma coisa que dava errado nesse estilo.

Mas é uma particularidade de Dragon Ball e sempre vai existir.

2018-04-04T16:09:09+00:00